Historiadora fala sobre história e legado das mulheres negras nesta terça-feira, no MUPA

Palestra começa às 19 horas e não é necessária inscrição prévia. Encontro encerra o Julho das Pretas, marcado por uma série de ações para celebrar o Dia Internacional da Mulher Negra Latino-Americana e Caribenha.



Nesta terça-feira (26), a historiadora Giselle dos Anjos Santos ministra a palestra Mulheres negras: história, memória e legado de resistências. Será no Museu Paranaense (MUPA), com início às 19 horas, aberta a todos os públicos. O encontro encerra o Julho das Pretas, marcado por uma série de ações para celebrar o Dia Internacional da Mulher Negra Latino-Americana e Caribenha.

Ativista e historiadora, Giselle atua como pesquisadora no Centro de Estudos das Relações de Trabalho e Desigualdades. É doutoranda em História Social na Universidade de São Paulo (USP), mestra em Estudos de Gênero e Teoria Feminista pela Universidade Federal da Bahia (UFBA) e graduada em História pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP).

Pesquisa sobre as intersecções de gênero e raça na América Latina e desenvolve atualmente um projeto acerca da produção intelectual das mulheres negras na diáspora (mais especificamente em Cuba e no Brasil). Também é autora do livro “Somos todas rainhas” (2012), sobre a história das mulheres negras no Brasil, e coautora do livro “Mujeres afrodescendientes en América Latina y el Caribe: Deudas de igualdad” (2018), organizado e publicado pela Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe (CEPAL-ONU), no Chile e no Brasil.

SERVIÇO

Data: terça-feira (26)

Horário: a partir das 19h

Local: Museu Paranaense

Endereço: Rua Kellers, 289, São Francisco - Curitiba.

Não é necessária inscrição prévia.

Comentários