Paraná vai retransmitir videoaulas para alunos de redes municipais

Medida vai atender alunos de até o 5º ano do Ensino Fundamental. Até agora, 217 cidades afirmam que terão acesso às aulas pela TV. Medida foi anunciada pelo secretário Renato Feder.

A partir de segunda-feira, 4 de maio, a Secretaria de Estado da Educação e do Esporte vai disponibilizar canais de TV para retransmitir as videoaulas do Ensino Fundamental 1 para as redes municipais de ensino do Paraná. A medida foi anunciada pelo secretário da Educação e do Esporte, Renato Feder, em live realizada nesta quarta-feira (29).

Neste primeiro momento, dos 399 municípios, 217 afirmam que terão acesso às aulas pela TV. Em Curitiba, as aulas on-line produzidas pela secretaria estadual já estão sendo transmitidas através da TV Paraná Turismo, permitindo que os alunos da capital, desta primeira fase de aprendizagem, tenham acesso aos conteúdos e as atividades escolares.

A proposta agora é expandir essa transmissão para as demais cidades do Paraná da mesma forma que ocorre em Curitiba.

O secretário Renato Feder disse que a ação começou com a parceria da Secretaria de Estado da Educação com a prefeitura de Curitiba e que agora vai atender alunos de até o 5º ano, de centenas de municípios de todo o estado. “Isso permitirá que essas crianças não percam aulas e sigam o seu desenvolvimento, mesmo neste período de pandemia", destacou o secretário.

Estiveram presentes na live da Educação de Curitiba, Maria Silvia Bacila; a presidente da União dos Dirigentes Municipais de Educação do Paraná (Undime), Marli Regina Fernandes da Silva; a presidente do Conselho Estadual de Educação, Maria das Graças Saad, e a presidente da União Nacional dos Conselhos Municipais de Educação, Ana Lúcia Rodrigues.

EXPANSÃO DO EAD - As aulas serão transmitidas em canais da televisão digital aberta. Neste primeiro momento, dos 399 municípios, 217 afirmam que terão acesso às aulas pela TV e espera-se que nas próximas semanas, mais municípios passem a transmitir o conteúdo aos alunos.

 

Confira AQUI, a lista com a numeração dos canais em cada um dos 217 municípios. 

 

COMO IRÁ FUNCIONAR - As aulas que terão o mesmo período de duração das transmissões realizadas no EaD da rede estadual oferecerão aos alunos atividades e conteúdos para que possam continuar os estudos.

Caso o aluno não possua acesso à TV aberta, ou em seu município as aulas não começaram a ser transmitidas, haverá um link disponível no site da Secretaria de Estado da Educação para que o estudante acesse e possa realizar todas as atividades on-line.

De acordo com dados do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira – INEP, no Paraná existem 869 mil alunos matriculados nas redes municipais. Eles se dividem entre a pré-escola (4 a 5 anos), Ensino Fundamental 1º ao 5º ano e Educação de Jovens e Adultos (EJA) fase 1.

IMPORTÂNCIA - A Undime, Marli Regina Fernandes da Silva, disse ver como de grande importância essa parceria. “A Undime é responsável por manter um diálogo entre os municípios e as instituições ligadas à Educação. Acompanhamos o movimento da educação neste momento de pandemia e valorizamos também a autonomia dos municípios”, enfatizou ela.

A secretária da Educação de Curitiba, Maria Sílvia, explica que todos os conteúdos transmitidos nas vídeo-aulas serão retomados no retorno das aulas presenciais. “As crianças não retornarão às unidades para fazer provas desses conteúdos. Elas receberão mediação presencial, para rememorar o que viram, o que aprenderam. Os professores levarão as crianças e os estudantes adiante com mais desafios ou com mais auxílio se assim necessitarem”, explicou.

Comentários