Governador Ratinho Junior anuncia isenção de impostos para carros elétricos

Ratinho Junior assinou projeto de lei propondo zerar IPVA e anunciou que encaminhará ao Confaz pedido de isenção do ICMS. Ele participou do Smart City Expo Curitiba, maior evento de cidades inteligentes do mundo.

O Paraná será o primeiro estado brasileiro a conceder incentivo fiscal para estimular a produção e o uso de carros elétricos. O governador Carlos Massa Ratinho Junior assinou nesta quinta-feira, durante o evento internacional Smart City Expo Curitiba, um projeto de lei propondo zerar a alíquota de IPVA de veículos elétricos, que hoje é de 3,5%. Ele também vai apresentar uma proposta de convênio ao Conselho Nacional de Política Fazendária, Confaz, para que o Estado possa isentar o ICMS para a aquisição desses veículos. Ratinho Junior afirmou que o Paraná sai na frente no incentivo ao uso de energia limpa para o transporte. Ratinho Junior ainda disse que a ideia é diminuir cada vez mais o preço dos veículos elétricos e torná-los mais acessíveis à população. O objetivo é diminuir o uso de automóveis movidos à combustão, que são mais poluentes. O Paraná já tem uma eletrovia, que é mantida pela Copel. São oito eletropostos na BR-277, ligando Paranaguá, no Litoral, a Foz do Iguaçu, no Oeste do Estado. Segundo o presidente da Copel, Daniel Pimentel Slaviero, a Companhia faz parte desse processo porque acredita que este é o futuro da mobilidade urbana. A rede que garante a recarga gratuita para carros elétricos foi apresentada pela Copel no Smart City Expo Curitiba. Esta é a segunda edição brasileira do maior evento de cidades inteligentes do mundo, que acontece até esta sexta-feira. Além da Copel, a Sanepar e a Celepar também apresentam novidades tecnológicas na exposição, que é chancelada pela FIRA Barcelona, organizadora do evento mundial Smart City Expo World Congress. O vice-governador Darci Piana, que participou da abertura do evento, ressaltou que o Paraná trabalha para ser o estado mais inovador do Brasil, para aplicar tudo aquilo que existe em termos de inovação na gestão pública. Ricardo Zapatero, representante da FIRA Barcelona, afirmou que os setores públicos e privados devem trabalhar juntos para construir cidades inteligentes. Quatro temáticas principais são discutidas durante o evento: viabilizando tecnologias para cidades inteligentes; governança em cidades digitais; cidades criativas, sustentáveis e humanas; e planejando cidades inovadoras e inclusivas. O evento é organizado pela iCities, empresa curitibana especializada em soluções para smart cities, em parceria com a prefeitura de Curitiba e o Vale do Pinhão. A área de exposição conta com 35 empresas dos setores público e privado, além de mais de 80 especialistas e a participação de startups de Curitiba e região.

Comentários